O dia oficial para celebrar o culto à Hécate é 13 de agosto, porém todas as sexta-feiras 13 também podem ser dedicadas a ela.

Conhecida como “Senhora das Encruzilhadas”, não reina apenas sobre a Bruxaria e a morte, mas também sobre o nascimento, renascimento e a renovação. Hécate era reconhecida pelos gregos como uma Deusa Tríplice e fazia trindade com Perséfone e Deméter e era invocada para proteção dos perigos e maldições.

É uma Deusa complexa e sua principal área de trabalho relaciona-se ao Reino dos Mortos, Noite e das Sombras. Era invocada em encruzilhadas pelos que buscavam proteção, inspiração, realização de desejos e por isso também é chamada de “Senhora dos Caminhos”. Também era invocada em cemitérios, pois se acreditava que ela que conduzia as almas ao Submundo com suas tochas.

Por sua relação com o Submundo e a magia é considerada padroeira das Bruxas e em alguns lugares era cultuada apenas por mulheres sob a luz da Lua. Ela assume dois aspectos importantes, o de Anciã e Donzela, traz a abundância e a tempestade, a vida e a morte. É relacionada às três fazes da Lua, mas especialmente à Lua Negra (Nova).

 

Conectando-se com Hécate

Saia um dia e recolha de uma árvore um galho que se divida em três partes iguais. Esse é o bastão trívio, um dos símbolos de Hécate. Recolha o bastão, pedido permissão à árvore. Leve-o consigo e deixe-o do lado de fora da sua casa, próximo à porta de entrada, e as bênçãos de Hécate estarão sempre com você.

Fonte: Todas as Deusas do Mundo – Claudiney Prieto

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s